sexta-feira, 29 de novembro de 2013

William, o meu melhor amigo!

Para quem já viu os meus vídeos sabe que eu tenho um cão. Um belíssimo de um YorkShire Terrier. É lindo que só ele e de uma doçura que nunca imaginei. Este não é o meu primeiro animal de estimação, quando era pequena tive uma cão, mas quase não tenho memórias, depois tive vários peixes, uma gata (a Fifi), um pássaro (o Doraemon - era azul com a barriga branca) e agora tenho o William, ou Willy (ou tantas outras coisas que me lembro sempre olho para ele) e a minha irmã um porquinho-da-índia, o Duda.

Não vos sei dizer porquê mas este cãozinho é assim uma paixão para mim. Se não anda ele atrás de mim de um lado para o outro, ando eu a correr tudo à procura dele. Fazemos tudo juntos, dormimos no mesmo quarto e por vezes até partilhamos a cama (costuma dormir no tapete e quando esta frio, numa manta aos pés da cama), quando eu estou a comer ele está sentado ao meu lado, se estou no computador ou a ler, lá está ele a dormitar na cadeira do lado, se estou no sofá a ver tv o pequeno vem enroscar-se em mim... E se há coisa que me custa neste mundo é ter de sair de casa e ele ficar sentado a ver-me fechar a porta. É um aperto no coração que nem vos digo. Este pequeno fez 3 anos a 29 de Outubro e eu já nem imagino a minha vida sem ele. 

Por isso sempre que vou a algum lado, estou sempre a pensar nele. Tipo que ele também ia gostar de isto ou aquilo, tal e qual uma pessoa. Enfim... Hoje não resisti a trazer uns presentinhos para ele. Um osso de corda colorido e um porco que chia :) achei um piadão. 


Neste momento ele está ao meu lado a tentar fazer sabesse lá o que ao osso, que já está todo babado e nem o posso tentar agarrar que ele começa a puxar do outro lado ;b parece uma criança com uma daquelas rocas para coçar as gengivas quando os dentes começam a nascer. E o porco, coitado foi total e completamente renegado. Eu acho que ele tem medo dele. Se calhar porque eu vinha tão entusiasmada com aquilo a chiar que fugiu mal me viu com aquilo na mão. Mas quando lhe passar a obecessão pelo ossinho de corda, pode ser que lhe de alguma importância :)


Sem comentários:

Enviar um comentário