quarta-feira, 2 de abril de 2014

Livro da Semana: Divergente

Na noite de Domingo para Segunda, quando passo pelo Hollywood e me deparo com o trailer do filme "Divergente", baseado no bestseller de Veronica Roth, com o mesmo nome, OMG, fiquei logo com vontade de ver o filme. Algures na minha cabeça uma luzinha começou a piscar, como se eu já tivesse visto aquele nome em algum lado. Após uma breve pesquisa, lembrei-me de várias youtubers que têm eleito os vários livros da saga como favoritos ao longo dos últimos meses. Livros que eu olhava para a capa e aquilo não me cativava nem um bocadinho, o típico caso de julgar o livro pela capa. Claro que tinha de o ler, não podia ver o filme sabendo que havia um livro por detrás da historia (uma das minhas paranóias, se sei que há um livro não vejo filme ou série até o ler... As coisas nunca são iguais e eu gosto de ter os factos todos!)
Na segunda feira, lá deitei a mão ao ultimo livro que havia na loja... Fiquei com pena de não ser a capa original, mas queria lê-lo e o resto é decoração.
 
Escusado será dizer que fiquei acordada até depois das 5h da manhã, não consegui parar de ler o livro até o acabar (outra coisa que me acontece muitas vezes!!) e o resultado foi uma terça-feira sonolenta e com a sensação de ter dois pesos nas pálpebras. Mas quem corre por gosto não cansa e se já tivesse os livros seguintes, Insurgente e Convergente, seriam mais umas noitadas. Adorei o conceito mesmo sendo mais "futurista" do que costumo gostar. Fala das escolhas de um adolescente e como lhe podem mudar a vida, quase uma "espécie" de decisão sobre cursos e faculdades. Uma decisão que de uma maneira ou de outra vai definir o resto da nossa vida.

A civilização da história está dividida em 5 facções que têm como característica uma qualidade, o altruísmo pertence aos Abnegados, a coragem aos Intrépidos, a amizade aos Cordiais, a sinceridade aos Cândidos e a inteligência aos Eruditos, existem ainda os sem-facção, aqueles que não conseguem viver com a facção que escolheram. Ao atingir os 16 anos todos os jovens da sociedade fazem um teste de aptidão que os deve ajudar a decidir qual a facção que vão escolher para o resto das suas vidas e as facções não se misturam, o lema deles é "A facção antes do sangue", por isso podem ter de deixar a família para trás e esta decisão é irreversível.
Durante esse teste, Beatrice, a personagem principal, descobre uma coisa sobre ela que tem de manter secreta se quer continuar viva. Depois da escolha muda o seu nome para Tris e descobre mais do que queria, ao mesmo tempo que tenta fazer amigos e se apaixona por um rapaz, tudo novidades para ela. Quatro é intrigante e misterioso, fácil de nos apaixonarmos por ele, mesmo sem saber bem quem ele é e quais as suas intenções. Quando tudo parece correr mal, lá arranjam uma forma de dar a volta à questão. Nada disto é fácil e muitas decisões irreversíveis terão de ser tomadas. Com uma revolução em mãos é preciso deixar para trás muita coisa para seguir em frente... E talvez o seu segredo a possa salvar e aqueles que amanha.

Não vou armar-me em spoiler, leiam o livro. Vale a pena, a sério. Mesmo que achem que não faz o vosso género quase que aposto que se vão surpreender. Eu estou tão fascinada que já só quero ler os outro dois livros. A escrita da autora é cativante e cria personagens com quem facilmente no identificamos, que também nós somos capazes de odiar e desconfiar. Apesar de ser uma leitura intuitiva, não é fácil prever o que vai acontecer a seguir e isso só torna o livro mais fascinante.

Quando vir o filme, logo vos digo se vale a pena, mas a menos que este seja a excepção à regra, costumo gostar mais dos livros que dos filmes. Estes últimos deixam sempre muita coisa de fora que eu acho importante.

8 comentários:

  1. Vi o trailer e sabes do que me lembrei? dos hunger games. As historias parecem super semelhantes. Eu gostei muito dos 3 livros do hunger games não pela escrita (a autora escreve super mal) mas pela historia porque me faz lembrar o livro "1984" e que no futuro aquilo pode vir acontecer. Vou colocar o livro que sugeriste na minha lista :) obrigada. Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também já ouvi falar deles e mais uma vez passei ao lado, a ver lhes vou dar um olhinho :) Obrigada pela sugestão. Beijinhos querida*

      Eliminar
    2. Então tens de ler os livros do Hunger Games e depois os filmes. Acredita que vais gostar :)

      Eliminar
    3. Devido a tua sugestão eu comprei o livro na sexta e hoje já acabei de ler. Gostei e estou curiosa para ler o segundo mas não me faz ir a correr comprar como o do Harry Poter ou Hunger Games fez. De qualquer forma obrigada porque graças a ti descobri uma nova autora de que gosto ;)

      Eliminar
  2. Olá tudo bem? Queria-te pedir se podias fazer um post a recomendar alguns youtubers ou blogs. Graças a ti descobri este livro brutal e tu também soubeste através de outros youtubers. Por isso se pudesses recomendar eu gostava muito pois muitas vezes não sei o que ler pois existe demasiada variedade e muita coisa que não interessa. Eu já pesquisei no youtube e encontro muitos canais dedicados a livros mas a sua maioria são do brasil.
    Uma vez num video disseste que estavas a fazer um mestrado, posso-te perguntar qual é a tua área?
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá ;)
      Eu até posso fazer, mas não são youtubers ou bloggers só de livros, são miúdas como eu... Que falam de tudo um pouco! Mas vou reunir as minhas preferidas e depois logo vejo ;)
      Obrigada pela sugestão.
      Beijinhos querida*

      Eliminar
  3. Olá! Qual foi o filme que já saiu desta trilogia?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Divergente, o primeiro :) e eu ansiosa pelos próximos :)
      Beijinhos*

      Eliminar